segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

A demissão dos contratados

Foto: Arafran Peter
Prefeito Flávio Veras e Kerginaldo Pinto demitiram os profissionais contratados.

Fim. Palavra que tem um significativo de tristeza, afligindo mais de 300 famílias macauenses que possuem parentes com vínculo contratual com a Prefeitura de Macau. O prefeito, Flávio Vieira Veras e Kerginaldo Pinto fizeram o que Macau já sabia, demitiu os profissionais contratados, mostrando as verdadeiras facetas e a condescendência de Pinto com esse massacre das famílias e da economia do nosso município.

Em pleno fim de ano, Kerginaldo Pinto e Flávio Veras não renovaram os contratos dos profissionais contratados, simplesmente pela conveniência política e pra mostrar para os contratados que “manda quem pode e obedece quem tem juízo”. Essa maldade, promovida por Flávio Veras, tem um interesse político, pois obrigará aos vereadores aceitarem e se ajoelharem a Kerginaldo Pinto.

O ajoelhamento dos vereadores é uma estratégia para que Flávio possa barganhar a renovação contratual pelo apoio a candidatura do pupilo de Flávio. E agora, Kerginaldo deu uma prova do que é capaz de fazer com os profissionais contratados e com toda a população. O pior de tudo é ver a omissão de Kerginaldo, logo Ele que é formado em Administração, deu um grande mau exemplo de como a prática não respeita a teoria.

Para tentar calar a campanha pela renovação contratual dos profissionais enquanto não se realiza concurso público, Flávio Veras e Kerginaldo Pinto promoveram um recesso administrativo de quase dez dias. Acreditem leitores, dez dias sem serviços públicos. Se os serviços públicos já não eram bons, agora estão  piores.

2 comentários:

  1. Para falar a verdade até o tatazão está fechado!

    ResponderExcluir
  2. Todo ano é a mesma coisa. Déjà vu?

    ResponderExcluir